O dia de hoje na História – 19 de Agosto

Bom dia pessoal, tudo certo?

Às vezes, quando eu vou escrever O dia de hoje na História eu me vejo espantado com a quantidade de fatos acontecidos no mesmo dia. E esse 19 de Agosto, em especial, é um desses dias. A começar, parabenizemos todos historiadores do Brasil. Hoje é o Dia Nacional do Historiador!!!

Pois bem, sigamos com outros fatos deste dia.

Aconteceu em 19 de Agosto de:

1945 – O Vietminh, liderado por Ho Chi Minh, assume o poder em Hanói, Vietnã. E o Comunismo chega ao pequeno país do leste asiático.

1953 – Os Estados Unidos apoiaram o golpe que derrubou o primeiro-ministro do Irã, Mohammad Mossadeq. O general Zahedi assumiu o poder. Querem entender a História do Irã? O ódio contra os Estados Unidos? Pesquisem sobre Mossadeq e as mudanças feitas por ele, que foram abortadas com o golpe apoiado pelos EUA.

1969 – Fundada a EMBRAER – Empresa Brasileira de Aeronáutica, maior fábrica de aviões do Brasil. A ditadura fez algumas coisas boas também.

1981 – É criado o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT).

Nasceram em 19 de Agosto de:

1849 – Joaquim Nabuco, político e diplomata brasileiro. (m. 1910). Um dos pernambucanos mais notáveis da História do nosso estado.

1883 – Coco Chanel, estilista francesa (m. 1971). Gabrielle Bonheru Chanel é um símbolo da mudança de papel que a mulher teve no século XX. Uma mulher à frente de seu tempo.

1951 – John Deacon, baixista da banda Queen. Gente! Essa data não poderia passar em branco, pois sou muito fã dessa banda. Segue então vídeo de uma linda música composta por esse baixista.

Faleceram em 19 de Agosto de:

1936 – Federico García Lorca, escritor, poeta e teatrólogo espanhol, morto na Guerra Civil Espanhola (n. 1898).  Morreu fuzilado pelos franquistas perto de Granada, no sul da Espanha.

“Mas o que vou dizer da Poesia? O que vou dizer destas nuvens, deste céu? Olhar, olhar, olhá-las, olhá-lo, e nada mais. Compreenderás que um poeta não pode dizer nada da poesia. Isso fica para os críticos e professores. Mas nem tu, nem eu, nem poeta algum sabemos o que é a poesia.”

2003 – Sérgio Vieira de Mello, diplomata brasileiro. Alto Comissário das Nações Unidas para os Direitos Humanos desde 2002, morreu em Bagdá, juntamente com outras 21 pessoas, vítima de atentado atribuído à Al Qaeda contra a sede local da ONU.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s